Bem Vindo ao Site Oficial do Hospital de Misericórdia de Altinópolis.

Telefone: (16) 3665 7200
Email: contato@hospitalmisericordia.com
R. Cel. Joaquim Alberto, 421
Altinópolis - SP

14 de Junho – Dia Mundial do Doador de Sangue

Publicado em: 13/06/2016 às 5:05 pm


“Todos os anos, no dia 14 de Junho, os países de todo o mundo celebram o Dia Mundial do Doador de Sangue. O evento serve para agradecer, doadores de sangue voluntários e não remunerados pelos seus gestos de salvar vidas e de sensibilização para a necessidade de doações de sangue regulares para garantir a qualidade, segurança e disponibilidade de sangue e produtos sanguíneos para pacientes em necessidade.

blood-donor-2016-monitors

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS) o tema do Dia Mundial do Doador de Sangue deste ano é  “O sangue nos une”. Com o objetivo em agradecer doadores de sangue e realçar a dimensão de “partilha” e “conexão” entre doadores de sangue e pacientes. Além disso, adotamos o lema “Compartilhe vida, doe sangue” para chamar atenção para os papéis que os sistemas de doação voluntária desempenham no sentido de incentivar as pessoas a cuidar uns dos outros e promover a coesão da comunidade.

A campanha tem como objetivo destacar o papel fundamental que a doação voluntária de sangue desempenha para reforçar a coesão social e para incentivar a participação da comunidade no sentido de uma sociedade mais saudável.

Transfusão de sangue e produtos sanguíneos ajuda a salvar milhões de vidas todos os anos. Ele pode ajudar os pacientes que sofrem de doenças com risco de vida viverem mais e com maior qualidade de vida, e suportando procedimentos médicos e cirúrgicos complexos. Ele também tem um papel essencial em salvar vidas no atendimento materno-infantil.

No entanto, em muitos países, a procura excede a oferta, e os serviços de sangue enfrentam o desafio de tornar o sangue suficiente disponível, ao mesmo tempo, garantir a sua qualidade e segurança. Um suprimento adequado só pode ser assegurada através de doações regulares por, doadores de sangue voluntários e não remunerados. O objetivo da OMS é que todos os países obtenham todos os seus suprimentos de sangue de doadores voluntários não remunerados, em 2020. A meta para as Américas é que em 2019 o fornecimento de sangue nos países é obtida em 100% a partir de doadores voluntários não remunerados.

Hoje, em todo o mundo apenas 62 países chegam perto de 100% de suas reservas de sangue nacionais de doação de sangue voluntária e não remunerada, com 40 países ainda dependem de doadores familiares e doadores ainda pagos. Nas Américas, apenas 11 países e territórios têm alcançado esse objetivo específico. Enquanto outros 6 países fizeram progressos significativos no sentido de que, nos últimos anos, os restantes países ainda estão longe de alcançá-lo.”

Texto extraído do sítio da OMS

 Requisitos básicos

  • » Estar em boas condições de saúde.

  • » Ter entre 16 e 69 anos, desde que a primeira doação tenha sido feita até 60 anos.

  • » Pesar no mínimo 50kg.

  • » Estar descansado (ter dormido pelo menos 6 horas nas últimas 24 horas).

  • » Estar alimentado (evitar alimentação gordurosa nas 4 horas que antecedem a doação).

  • » Apresentar documento original com foto recente, que permita a identificação do candidato, emitido por órgão oficial (Carteira de Identidade, Cartão de Identidade de Profissional Liberal, Carteira de Trabalho e Previdência Social).

Impedimentos temporários

  • » Resfriado: aguardar 7 dias após desaparecimento dos sintomas.

  • » Gravidez

  • » 90 dias após parto normal e 180 dias após cesariana.

  • » Amamentação (se o parto ocorreu há menos de 12 meses).

  • » Ingestão de bebida alcoólica nas 12 horas que antecedem a doação.

  • » Tatuagem / maquiagem definitiva nos últimos 12 meses.

  • » Situações nas quais há maior risco de adquirir doenças sexualmente transmissíveis: aguardar 12 meses.

  • » Acre, Amapá, Amazonas, Rondônia, Roraima, Maranhão, Mato Grosso, Pará e Tocantins são estados onde há alta prevalência de malária. Quem esteve nesses estados deve aguardar 12 meses.
    » Qualquer exame endoscópico (endoscopia digestiva alta, colonoscopia, rinoscopia etc); se com biópsia, é necessário avaliação do resultado: por 6 meses a 01 ano.
    » Extração dentária (verificar uso de medicação) ou tratamento de canal (verificar medicação): por 7 dias.
    » Cirurgia odontológica com anestesia geral: por 4 semanas.
    » Acupuntura: se realizada com material descartável: 24 horas; se realizada com laser ou sementes: apto; se realizada com material sem condições de avaliação: aguardar 12 meses.
    » Vacina contra gripe: por 48 horas.
    » Herpes labial ou genital: apto após desaparecimento total das lesões.
    » Herpes Zoster: apto após 6 meses da cura (vírus Varicella Zoster).

Impedimentos definitivos

  • » Hepatite após os 11 anos de idade. *

  • » Evidência clínica ou laboratorial das seguintes doenças infecciosas transmissíveis pelo sangue: Hepatites B e C, AIDS (vírus HIV), doenças associadas aos vírus HTLV I e II e Doença de Chagas.

  • » Uso de drogas ilícitas injetáveis.

  • » Malária.
  • * Hepatite após o 11º aniversário: Recusa Definitiva; Hepatite B ou C após ou antes dos 10 anos: Recusa definitiva; Hepatite por Medicamento: apto após a cura e avaliado clinicamente; Hepatite viral (A): após os 11 anos de idade, se trouxer o exame do diagnóstico da doença, será avaliado pelo médico da triagem.

Hospital de Misericórdia de Altinópolis


Hospital de Misericórdia de Altinópolis
R. Cel. Joaquim Alberto, 421 - Centro - Altinópolis - SP
2019 - Hospital Misericórdia de Altinópolis® - Todos os Direitos Reservados©